sábado, 5 de outubro de 2013

Sinéad O'Connor X Miley Cyrus: Tá Por Fora do Barraco? Fizemos um Resumão Pra Você!



E quando achávamos que já tínhamos visto e ouvido de um tudo a respeito de Miley Cyrus, eis que surge uma nova, e, por enquanto, mais séria polêmica envolvendo a cantora. Vamos começar do começo. Acreditamos que todos vocês tenham visto o vídeo de "Wrecking Ball", sendo assim, podemos partir para os fatos. Indagada por jornalistas interessados em saber de onde teria surgido a ideia do clipe de seu mais novo single, Miley revelou que havia se inspirado no clipe de Sinéad O'Connor para a música "Nothing Compares 2U". Nunca ouviu falar dessa música? Vamos abrir uma parênteses aqui pra falar da produção. Originalmente composta por Prince para a banda The Family, "Nothing Compares 2 You" foi regravada em 1990 por Sinéad. Em seu histórico, além de ter atingido o 1º lugar na parada de singles da Billboard, a faixa também foi eleita pela revista Rolling Stone em 2004 como a música de número 162 dentre as 500 melhores canções de todos os tempos. Dito isso, continuemos.

Após a declaração de Miley, dizendo que teria se inspirado em "Nothing Compares 2 You" para fazer o clipe de "Wrecking Ball", Sinéad O'Connor, hoje com 46 anos, resolveu divulgar uma carta aberta onde, dentre outras coisas, aconselhava a jovem popstar a tomar cuidado com o rumo que está dando a sua carreira: "Estou extremamente preocupada com você, por todos que estão ao seu redor terem levado-a a acreditar que é, de qualquer forma, legal ficar pelada e lamber martelos. O mundo da música caga e anda pra você, pra qualquer um de nós. Eles vão prostituir você e te fazer pensar que isso é o que você quer. Ninguém que se importa com você pode apoiar essa prostituição… incluindo você mesma. Quanto ao lance de superar a imagem de Hannah Montana, qualquer um que lhe diga que ficar pelada é o jeito de fazê-lo não respeita você ou seu talento. Ela é passado, não porque você ficou pelada, mas porque suas músicas são boas".

Em resposta a essa carta, Miley disparou indiretas contra Sinéad, que no passado teve problemas de depressão e até tentou suicídio, comparando-a a Amanda Bynes, hoje a garota problema de Hollywood. Cyrus postou ainda uma foto de Sinéad no fatídico episódio de 1992 onde O'Connor rasgou a foto do então Papa João Paulo II no programa Saturday Night Live. O que se seguiu depois disso foram outras 3 cartas, duas de Sinéad, onde a mesma ameaçava Miley de processo, e uma da cantora teen (que na verdade foi mais um bilhete que uma carta), onde disse: "Sinéad, eu não tenho tempo para lhe escrever uma carta aberta pois estou ocupada apresentando o Saturday Night Live esta semana. Portanto, se você quiser me encontrar para conversarmos, me avise na sua próxima carta :)".

No final das contas, o que podemos tirar de proveito dessa situação? Bem, tanto Sinéad, quanto Miley foram/são artistas muito importantes para a sua geração. Ambas foram bastante polêmicas em atitudes que tomaram durante suas carreiras. Enquanto uma rasgou a foto do Papa, a outra se esfregou num cara casado em rede nacional. Atitudes pelas quais foram massacradas pela mídia e a opinião pública, e pelas quais serão eternamente lembradas. Não há que se julgar quem tem ou não culpa ou razão, o que deve ser pesado é o quanto as palavras de ambas as artistas influenciam e influenciarão em suas legiões de fãs. Fazendo a linha Sinéad, a sugestão que deixamos para vocês é que pesquisem e leiam as referências de tudo que aconteceu para que possam tirar suas próprias conclusões. Esperamos que a carreira dessas duas artistas, que tanto influenciaram e influenciam as pessoas, especialmente porque foram corajosas ao romperem com certos padrões impostos pela sociedade, não seja manchada por um episódio tão desnecessário e, como diria Sandra Annenberg, deselegante.