terça-feira, 17 de fevereiro de 2015

Com gostinho de flop na boca e sem assessoria, Omarion volta às paradas e lança clipe para ''Post To Be'' feat. Chris Brown & Jhene Aiko!



Quando eu achava que não existia absolutamente nada mais desorganizado que o meu quarto ou minha vida amorosa (que inexiste, ou seja, tá arrumadinha), eis que surge o Omarion com a divulgação de Sex Playlist, seu quarto álbum de inéditas, lançado em dezembro passado pela Maybach Music e Atlantic. Com vários singles lançados de maneira aleatória, como "You Like It", carro-chefe do disco que sequer ganhou clipe, e "Work", que ganhou clipe mas não foi enviada para as rádios (assim fica difícil), o álbum, que ganhou uma divulgação em massa anunciando seu lançamento para o verão americano, acabou chegando às lojas apenas no final de 2014, fato este que favoreceu o seu baixo desempenho em vendas, com apenas 16 mil cópias vendidas em sua semana de estreia e, mesmo com críticas favoráveis, um debut na posição de número 49 no Billboard 200.

Sem ter muito o que fazer, Omarion meio que lavou as mãos, mas agora, com quase três meses que a playlist sexual tá circulando por aí, o cara resolveu que vai sim dar continuidade a sua promoção com o lançamento de "Post To Be", faixa divulgada pouco antes do álbum chegar às lojas como segundo single oficial e que só agora ganhou clipe por motivos de: adentrou o Hot 100 da Billboard, onde já se encontra há quatro semanas com direito a pico na posição de número 80 (essa é a primeira música do cara a se fazer presente na parada desde "I Get It In", carro-chefe do seu álbum Ollusion de 2009, que saiu na mesma velocidade que entrou, permanecendo apenas uma semana no chart com pico na posição de número 99).

Fugindo um pouco da temática sexual proposta pelo disco e sem toda a pompa e circustância que a gravadora certamente cortou depois que não viu o seu dinheirinho voltando com o devido lucro, Omarion, juntamente com Chris Brown e Jhene Aiko, se mandou pro estúdio de algum amigo das quebradas e gravou por lá mesmo o clipe da faixa. Com uma pegada meio urban conceitual (tipo, mesmo), o vídeo de "Post To Be" se divide entre registros do trio interpretando a faixa com aquele jeitão hip hop que a gente achava o máximo no início dos anos 2000 (mas que agora já deu) e imagens de objetos aleatórios tomando um banho de tinta no melhor estilo "We Can't Stop" e "Catraca" (só que pior). Assista: