quarta-feira, 15 de abril de 2015

Justin Bieber estrela viral video de ''I Really Like You'' da Carly Rae Jepsen e nós te explicamos porque o novo single da canadense (ainda) não vingou!



Só eu tô achando que tá tudo errado nos trabalhos de divulgação da nova música da Carly Rae Jepsen? Lançada há pouco mais de um mês, "I Really Like You", que tinha absolutamente tudo para se tornar um grande sucesso, recebeu, sim, uma enxurrada de críticas positivas, mas simplesmente não caiu nas graças do público, fazendo com que a música venha amargando sucessivas quedas no Hot 100 da Billboard (onde já estreou mal, na posição de número 48), perigando, inclusive, não se fazer mais presente na próxima atualização da parada.

- Ué, mas se a música é tão boa porque ela não para de cair? Por causa de uma coisinha chamada planejamento de marketing, ou melhor, pela ausência dele. Tudo bem que Carlinha e sua equipe estejam super atentos ao hype das músicas e álbuns lançados de maneira inesperada, mas, para se dar ao luxo de ver seu lançamento surpresa emplacar, você vai precisar de bem mais que dois álbuns de inéditas e um único hit. Artistas como Beyoncé e Taylor Swift tiveram que ralar muito antes de se aventurarem por essas bandas e isso serve para absolutamente todo mundo.

Com uma estratégia de divulgação maçante, "I Really Like You" teve single, vídeo com letra e videoclipe liberados em pouco mais de duas semanas (isso sem falar nas performances pra tv), fazendo com que a faixa, por mais legal que fosse, beirasse o insuportável poucos dias após o seu lançamento. Tá certo que a divulgação é a alma do negócio, mas, mesmo para uma estrela da música pop (e acho que especialmente para elas) é interessante que, durante esse período de grande exposição, haja um tempinho para descanso da imagem (até porque ninguém merece acordar todo dia com um clipe/vídeo com letra/viral da mesma música do mesmo artista). Logo abaixo vocês podem conferir o cronograma apertadíssimo de divulgação da faixa que, até o presente momento, não deu certo, e, logo depois, uma opção que poderia ter sido bem mais viável com um espaço de tempo de três semanas entre cada novo material divulgado.

Deu errado: 2/3 Single | 6/3 Clipe | 17/3 Vídeo com letra | 14/4 Viral vídeo

Daria certo: 2/3 Single + Viral vídeo | 23/3 Vídeo com letra | 13/4 Clipe

Vocês notaram que ambos os cronogramas dividem praticamente o mesmo espaço de tempo? Então, a única diferença é que na opção que nós demos rolou um intervalo bacana para que as pessoas pudessem curtir cada lançamento ao invés de simplesmente serem bombardeadas por eles. Ah, e no nosso cronograma single e viral são lançados no mesmo dia, até porque esse tipo de vídeo se torna bem mais interessante quando é divulgado com o intuito de apresentar a música e não de salvá-la de um fracasso que já vem se desencadeando desde o primeiro momento. E enquanto a Carly parece já ter desistido do single (tanto que já lançou a baladinha "All That"), Justin Bieber, como bom amigo que é (mentira, ele só quer limpar sua imagem), pegou sua câmera, reuniu uma galera e colocou todo mundo pra cantar e dançar a música da fia como que numa última tentativa de fazer esse single emplacar. Se vai dar certo ou não, eu não sei. Só espero que a Carly abra o olho e really, really, really, really, really, really leia esse post e se atente as nossas dicas para que o E·MO·TION, seu terceiro álbum de inéditas que chegas as lojas em junho, também não seja prejudicado por uma mera questão estratégica.