segunda-feira, 18 de janeiro de 2016

Janelle Monáe e Jeezy clamam pelo fim da segregação racial no clipe de ''Sweet Life''!



Com os trabalhos do The Eletric Lady devidamente finalizados, a Janele Monáe tirou o ano de 2015 para se dedicar a uma série de outros projetos, como o lançamento do The Eephus, EP colaborativo de artistas da sua gravadora, a Wonderland Records, participações em eventos de moda, como o London Fashion Week e o Met Gala, e a sua grande estreia como atriz no filme Moonlight, que começou a ser rodado no final do ano passado.

É, mas se você acha que em meio a todos esses projetos a fia simplesmente deixou o seu lado musical de lado, se engana. Entre reuniões, eventos e ensaios, a Janelle realizou uma série de parcerias com diversos artistas, como o guitarrista Nile Rodgers (que colaborou com o Daft Punk no Random Access Memories e mais recentemente com o Jota Quest em algumas faixas do Pancadélico) para o novo álbum da Chic, com a banda Duran Duran no single "Pressure Off" e com o Young Jeezy na faixa "Sweet Life", que acaba de ganhar seu vídeoclipe.

Todo em preto e branco, o vídeo, que tem sua direção assinada por Matt Barnes, aborda um assunto que está constantemente em voga nos Estados Unidos tendo em vista o grande número de acontecimentos extremos que tem rolado por lá. Sim, eu tô falando de segregação racial. No clipe, vemos o rapper folheando um jornal e se deparando com uma série de notícias terríveis que mostram como a desigualdade vem fazendo com que a juventude negra seja tratada como algo à margem da sociedade. Instituições carcerárias e cenas de crimes são alguns dos cenários que servem de plano de fundo para a história contada por Monáe e Jeezy, que, ao invés de simplesmente exporem a problemática, dão possíveis soluções para o problema. Confira: