terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

A Nikki tá cercada de boys magia no obscuro e coreografado clipe de ''Eu Faço Assim''!



O que eu já recebi de sugestão de pauta da Nikki (ex-Valentine) nesses quase seis anos de blog não tá no gibi. Assessorada pela OH Produções e Comunicação, também conhecida como Ômega Hitz, a fia sempre tendeu para uma vertente mais eletrônica da música a qual nunca me interessei muito. É, mas após a sua participação na quarta temporada do reality musical The Voice, de onde, por muito pouco, não saiu campeã, muita coisa mudou.

Além de seu cabelo cor-de-rosa, que partiu dessa para uma melhor, outra mudança bastante visível (ou será que devo dizer audível?) é a sonora, uma vez que Nikki, agora assinada pela Sony Music, apesar de ainda estar envolta a uma atmosfera eletrônica, já não soa mais tão genérica como antes em "Eu Faço Assim", faixa que assina como carro-chefe de seu álbum de estreia que tem previsão de lançamento para este ano.

Com um viés de confronto e autoafirmação, a faixa, que também conta com uma versão em inglês, funciona como uma espécie de recadinho para os haters, inimigas e ex de plantão que, apesar de, aparentemente, não serem muito chegados na fia, insistem em seguir todos os seus passos: Você fala mal de mim e mesmo assim não consegue me largar / Você tenta aparecer mas no final só consegue tentar / Já li demais o mesmo blá blá blá que é tão fácil de escrever mas onde é que você tá? / Se quiser mais atenção siga minha mão não posso te ajudar / Já cansei de te escutar a noite é minha e não tem hora pra acabar / Solta o som deixa rolar quando a batida é certa eu tenho que dançar / Eu faço assim.

Dirigido por Pedro Pitanga, criador do universo Ômega Hitz e responsável pelo gerenciamento de carreira de alguns dos principais nomes do cenário pop eletrônico brasileiro atual, o clipe é, sem sombra de dúvidas, o melhor já lançado por Nikki. Com uma atmosfera clubber obscura e subterrânea, o vídeo, que foi gravado numa casa noturna voltada para o público GLS, mostra a fia cercada por boys magia que, além de sensualizarem e se esfregarem nela como se não houvesse amanhã, ainda se jogam na coreografia enquanto Nikki aparece trajando looks desde os mais básicos até os mais excêntricos (isso sem falar nos acessórios) que acabam por transformar o clipe num verdadeiro fashion show de pura extravagância e sexualidade. Assista: