terça-feira, 29 de março de 2016

Considerações sobre a carreira solo de Nick Jonas + o envolvente e artístico clipe de ''Close'' feat. Tove Lo!



Vamos falar sobre o Nick Jonas, gente? É que nunca na vida, enquanto eu zapeava os canais da tv e via ele fazendo seriado com os irmãos ou até mesmo estrelando filme Disney de sucesso eu iria imaginar que o mais novinho e franzino do trio se transformaria e destacaria tanto com o passar dos tempos, e não tô falando só do quesito música não.

De uns tempos pra cá tem sido impossível ignorá-lo, tenho-o visto em  absolutamente tudo quanto é canto,  é em capa de revista, filme, seriado (já assistiram Kingdom? É muito bom), cantando e o que mais derem oportunidade pra ele fazer! ''Chains'' assim que saiu me pegou de jeito e ''Jealous'' só veio pra comprovar que o caçula dos Jonas Brothers era cheio de talento, e bastou apenas sair da sombra de Kevin e Joe (e dar um belo tapa no visual), que o cara conseguiu mostrar para o mundo a que veio.

Passados apenas dois anos de sua consagração como popstar solo, Nick tem apostado recentemente na divulgação de seu mais novo álbum de ineditas intitulado Last Year Was Complicated (pra gente também, gato), que agora traz o o carro-chefe "Close", single delicinha produzido por Mattman & Robin ("Make Me Like You") em parceria com a nossa rainha das nuvens e sueca favorita, Tove Lo.

É, mas apesar do sucesso, na minha opinião o moço não vinha acertando ao fazer seus videoclipes, e vinha desperdiçando bons singles com produções preguiçosinhas (vide "Jealous" e "Levels"), até que finalmente veio "Close", e olha, palmas para os envolvidos, em particular para o diretor Tim Erem ("Work") que conseguiu metaforizar em poucos minutos o que o Nick queria dizer na canção, que basicamente fala que a vulnerabilidade é a chave para qualquer relacionamento dar certo, pois assim as pessoas conseguem uma proximidade e uma entrega verdadeira, bem além daquela coisa carnal, sabe?

O novo vídeo chega a lembrar um pouco o "Elastic Heart" da Sia, mas somente pelos trejeitos artísticos e pela coreografia perfeitamente sincronizada entre Nick e Tove, fazendo com que nós ficássemos hipnotizados do inicio ao fim pelos movimentos e expressões dos dois cantores, que interpretaram um sentimento de desejo tão convincente que já estamos aqui shippando este casal! Confira: