domingo, 3 de abril de 2016

"Fool's Gold": O Aaron Carter está de volta com novo single e clipe de gosto duvidoso!



Apesar de não lançar um novo álbum de inéditas desde o Another Earthquake de 2002, o Aaron Carter não chegou a sumir totalmente do nosso radar. Com o fim dos trabalhos do disco, bem como de seu contrato com a Jive Records, o fio passou mais ou menos três anos preparando o que poderia vir a ser o seu comeback. Lançada em 2009, "Dance With Me", faixa de Aaron em parceria com o rapper Flo Rida, tinha tudo para emplacar nas paradas, uma vez que a música chegou pouco depois de sua participação no Dancing With The Stars (reality nos moldes do quadro Dança dos Famosos do Faustão), mas a música acabou não obtendo o resultado esperado (sendo relançada não muito tempo depois pelos australianos da Justice Crew) fazendo com que o irmão de Nick Carter entrasse em depressão.

Já recuperado, Aaron lançou entre 2009 e 2010 as inéditas "Planet Rock" e "Perfect Storm", que serviram como base para uma série de shows que ele faria logo depois. No início de 2013, depois de um tempinho sumido, o cara deu início a uma turnê que durou praticamente o ano inteiro com um total de, pasmém, 150 shows. No ano seguinte ele divulgou mais uma faixa inédita, "Ooh Wee", lançada para promover a sua Wonderful World Tour. Daí, de 2015 pra cá, Aaron voltou seus esforços para o lançamento de LØVË, seu primeiro álbum de inéditas em nada menos que catorze anos, que chega encabeçado pelo single "Fool's Good".

Para a surpresa de todos (ou não), a faixa é realmente boa. Diferente da sonoridade um tanto quanto inacabada de seus últimos singles, que soavam mais como uma demo do que uma música finalizada, "Fool's Gold" não perde nada em termos de qualidade para alguns dos maiores hits das paradas atuais, como "Sorry" do Justin Bieber e "Pillowtalk" do Zayn. Envolta a uma atmosfera eletrônica, a faixa, que conta com elementos de pop e R&B, fala sobre o fim do triângulo amoroso envolvendo ele, Hilary Duff e Lindsay Lohan. Tá não, mas poderia ser: Você acordou em busca de sentimentos / Mas tem dificuldade para lidar com o fato de que está sozinha / E isso faz com que você sinta falta do meu corpo / Tocando, beijando, acariciando / Ele não sabe que você vale o seu peso em ouro / E você está tão apaixonada / Ao menos sabe por quem? / Você trocou meu coração por ouro de tolo.

É, mas nem tudo são flores quanto ao comeback do Aaron! O lance é que o clipe de "Fool's Gold", que inclusive foi dirigido por ele, acabou ficando um tanto quanto super produzido, o que acabou por dar um ar artificial a produção. Apesar de ser esteticamente bonito, o vídeo conta com algumas tomadas que acabaram por poluí-lo, como é o caso das cenas da silhueta, onde o enquadramento está muito aberto (isso sem falar naquelas mãos), e a dos corpos pintados, que acabou meio que beirando a bizarrice. Ah, não posso esquecer de comentar também sobre os elementos psicodélicos que, por terem sido executados de maneira simplória, deixaram a produção com uma cara amadora. Fora isso tá tudo ótimo! As cenas do sofá, bem como as da cama, ficaram lindas, além, claro, dos closes maravilhosos que as câmeras deram no rostinho do Aaron, até porque, mesmo em meio a todos os problemas pessoais (depressão, morte da irmã) e profissionais (fim do contrato com a Jive, dificuldades para restabelecer a carreira) que ele passou, os anos fizeram muito bem pra ele. Assista: