quarta-feira, 5 de outubro de 2016

O naufrágio amoroso de Emeli Sandé no clipe de "Hurts"!



Não sei de onde foi que eu tirei fôlego pra fazer esse post porque o novo clipe da Emeli Sandé me deixou totalmente sem. Com tudo pronto para o lançamento de seu segundo e aguardadíssimo álbum de inéditas, o Long Live the Angels, que chega às lojas no próximo dia 11 de novembro, a escocesa divulgou em setembro passado seu carro-chefe, a intensa e visceral "Hurts", que acaba de ter seu vídeo revelado.

Todo em preto e branco, o visual, que teve a sua direção assinada pelo Dawn Shadforth ("The Heart Wants What It Wants", "You're The One"), conta a história de um náufrago (tipo aquele do filme do Tom Hanks) que faz o que pode para sobreviver as mazelas naturais de uma ilha deserta enquanto não descobre uma maneira de sair de lá.

Traçando um paralelo com a música, podemos associar estes acontecimentos ao sofrimento expresso por Sandé na faixa, que fala sobre os altos e baixos de um relacionamento: Amor, eu não sou feita de pedra / Isso machuca / Te amar como eu amo / Machuca / Quando tudo que me resta é observar / Machuca / Machuca quando você finge não lembrar / Que esqueceu de tudo que vivemos juntos / Estava na cama quando você disse que era pra sempre / Não consigo mais explicar. Confira: