segunda-feira, 27 de julho de 2015

Tem hora extra, paquera e festinha de montão em ''Dirty Work'', novo clipe do Austin Mahone!



O Austin Mahone já começou a semana tendo que fazer hora besta, digo, extra no trabalho no clipe de seu mais novo single, "Dirty Work". Carro-chefe de seu álbum de estreia, que tem previsão de lançamento ainda para este ano pela Universal, a faixa chega com uma pegada completamente diferente de seus últimos singles, onde ele aposta numa sonoridade mais voltada pro groove, misturando elementos de funk e jazz (só eu senti uma vibe meio Random Access Memories?), mas ainda em território pop.

Composta pelo próprio Austin, a faixa celebra não só o fato dele poder finalmente trabalhar com o que mais ama, que é a música, como também conta com uma pegada mais voltada para os flertes e paqueras no local de trabalho, onde ele se mostra bastante disposto a fazer absolutamente tudo quando o assunto é a garota dos seus sonhos: É um trabalho sujo / E alguém tem que fazê-lo / Porque quando você faz o que ama / Você vai amar o que faz / Você sabe que não é de 9h ás 5h / Nós vamos de quando o sol se põe até ele nascer / Nesse trabalho sujo.

Dirigido por Gil Green ("Mmm Yeah", "Banga Banga") e Kenny Kool-Aid, o clipe de "Dirty Work" traz Mahone no papel de um auxiliar administrativo que vai ter que fazer uma horinha extra no escritório pra garantir que tudo saia nos conformes enquanto seu chefe sai para um encontro. É, mas o que tinha tudo pra ser mais um dia entediante de trabalho, acaba dando uma virada quando o gerente pede para que ele apresente as dependências do escritório para sua mais nova e gatíssima contratada. Com direito a personagens caricatos pra lá de hilários, que se aproveitam da ausência do chefe para promover uma festinha, e uma leve pegada noventista, assim como boa parte de tudo que ele nos apresentou até agora, "Dirty Work" já é, de longe, o meu clipe favorito do Austin Mahone... e com certeza vai ser o seu também. Assista: